LOGO_Backstage_Musical_NOVO2020_Crachá.

"Cinderella - O Musical" em cartaz no Rio de Janeiro


É de uma felicidade imensa poder ver grandes montagens voltarem ao circuito teatral após o grande e triste hiato que se instaurou no setor cultural. A pandemia praticamente zerou os palcos, interrompeu temporadas promissoras de grandes e pequenos espetáculos, além de gerar uma grande insegurança no setor. Mas agora, praticamente dois anos depois de todo o pesadelo começar (ele ainda tá presente, mas com mais informações, e claro, com a vacina!), as peças voltam, pouco a pouco, aos seus devidos holofotes.


Então, quem volta em solo carioca, após um longo período parado, e com um troca de elenco gigantesca, é o musical “Cinderella – O Musical”, da aclamada dupla Charles Möeller e Claudio Botelho, que conseguem pegar produções estrangeiras e dar toda uma roupagem nacional, que torna tudo mais divertido, e gostoso de se assistir.

Chegando ao Teatro Multiplan, “Cinderella” traz toda essa nova roupagem da história eternizada pela Disney, com composições da dupla Rodgers & Hammerstein, e uma qualidade técnica incrível, que cumpre muito bem a ideia de sair um pouco e desassociar da fábula da animação de 1950, que incluía ratinhos falantes, gatos vingativos e sapatinhos polêmicos.


Após quase 7 anos da primeira montagem, a nova roupagem e elenco reúnem uma grande gama de estrelas do teatro musical, encabeçada por Fabi Bang (Cinderella) e com uma Helga Nemertik inspirada tanto como a louca Marie, mas principalmente como a icônica Fada Madrinha, o espetáculo volta optando pela comédia mais escrachada, tanto na atuação quanto nas situações. E isso dá espaço para um trio improvável render os momentos mais divertidos, formado pela Madrasta e suas duas filhas Charlote e Gabrielle. Gottscha como a madrasta tem toda uma aura debochada e interesseira, que caem como um dom para uma personagem tão marcante quanto essa. E é legal ver que as atrizes Luana Bichiqui e Thuany Parente, respectivamente como Charlote e Gabrielle, construindo personalidades e tons bem interessantes para as duas meias-irmãs da Cinderella. Charlote se mostra uma moça bastante influenciada pelo que sua mãe construiu sobre sua imagem, aceitando seus defeitos, e que apesar de feia, pode sim realizar seus sonhos; Já Gabrielle, é romântica, visionária e acaba nutrindo uma paixão por um manifestante, que pede mais igualdade e dignidade ao povo que cerca o castelo do Príncipe, trazendo assim uma leve mensagem social para a história. Isso também trazendo um outro vilão roubando a cena, como o Sebastian, uma espécie de Duque vivido por Conrado Helt, que mesmo sendo o grande vilão se formos analisar, tem uma simpatia divertida, que às vezes nos faz querer ver mais dele em cena.


Cercados por um essemble maravilhoso, que soma absurdamente principalmente quando dão vida ao povo do vilarejo, que misturam momentos divertidos e números musicais grandiosos, aliados a já citada qualidade técnica, principalmente se falando da cenografia. Nada ali é simples, e por mais que se trate de uma história que “bombou” historicamente como uma fábula infantil, aqui, temos uma história que consegue obter êxito tanto para crianças quanto para adultos. E é maravilhoso ter essa oportunidade de volta ao teatro, com todos os cuidados e adaptações, se tornando um sucesso.


Serviço

‘Cinderella, o musical da Broadway’

Local: Teatro Multiplan – Shopping Village Mall - Av. Das Américas, 3900 - Piso SS1

Estreia: 13 de janeiro

Horários:

Quintas: 14h e 19h (na quinta 13/01 a sessão será apenas às 19h)

Sextas: 14h e 19h

Sábados: 11h e 16h (nos sábados 22/01 e 29/01 não haverá sessão)

Domingos: 14h (no domingo 23/01 não haverá sessão)

Sessões extras:

quarta (19/01), às 16h

quarta (02/02 e 09/02), às 14h e às 19h


Preços:

Plateia Vip R$ 340,00/R$ 170,00

Plateia Térreo R$ 300,00/R$ 150,00

Plateia Superior R$ 240,00/R$ 120,00

Camarotes R$ 200,00/R$ 100,00

10% de cada setor preço popular R$ 50,00/R$ 25,00

Vendas:

Classificação etária: Livre

Duração: 150 min (com 15 minutos de intervalo)

Capacidade: 959 lugares

Apresentação: Banco RCI Brasil

Patrocínio Master: Teatro Multiplan

Patrocínio: Eurofarma

Apoio: Giovanna Baby

Produção: Touché Entretenimento


Assessoria de Imprensa:

Xavante Comunicação


Obrigatorio uso de máscara e apresentação do passaporte de vacina.