LOGO_Backstage_Musical_NOVO2020_Crachá.

Entrevista com Gigi Patta


A fofíssima Gigi Patta foi uma das crianças a estrelar o musical "A Noviça Rebelde" este ano no Teatro Renault, e já há algum tempo vem se preparando para o Teatro Musical e a dublagem, ela é a voz da personagem Anabel Banks do filme (que a gente não aguenta mais esperar) Mary Poppins!

Ela nos contou um pouquinho sobre a sua carreira, os seus sonhos e planos para o futuro! Confere aí:

Backstage Musical: Quando começou o seu interesse pelo teatro musical? Gigi: Desde pequena sempre gostei muito de música, de cantar e de assistir desenhos musicais. A minha mãe também sempre me levava nos teatros infantis, alguns eram musicais. Mas o interesse maior que eu me lembro foi quando ela me levou para assistir “Mamma Mia” no antigo Teatro Abril (hoje Renault) e quando eu vi aquelas atrizes (Kiara Sasso, Andrezza Massei, hj minha colega de elenco) dançando e cantando, achei o máximo e eu só queria ser igual a elas. Foi aí que aos 5 anos, comecei a estudar na Teenbroadway e a primeira montagem que integrei foi “O Rei Leão” com crianças, adolescentes e adultos. Na ocasião fiz 2 cenas: uma de girafa e outra de tigre! Foi o máximo! A partir daí, fui me aperfeiçoando, iniciei aulas de canto particular até que aos 8 anos fui convidada para fazer o meu primeiro musical profissional, o “Brincando na Neve” com direção de Eraldo Jr. e texto de Well Rianc, como personagem Anna Criança e dividindo o palco com a atriz Clara Verdier, como Anna Jovem.

Backstage Musical: Qual musical / personagem você sonha em fazer? Gigi: Aí que difícil kkkk. O meu grande sonho seria: Anastasia/ Anya. Mas não posso deixar de citar as minhas paixões: Hamilton, Wicked e Scholl of Rock (que faria qualquer personagem para estar nesses musicais dos sonhos).

Backstage Musical: Como começou o seu interesse na dublagem e como você entrou no meio? Gigi: Sempre amei musicais, animações, filmes, séries. São meus hobbies, minhas paixões. O interesse pela dublagem foi um pouco ao acaso, ou melhor, o teatro musical me levou até a dublagem: fui vista em um vídeo nas redes sociais em uma apresentação do Cultura Inglesa Teen Musical e aconteceu um convite para um teste de voz original. Realizei o teste, porém não tinha experiência nenhuma e não passei. Mas adorei a experiência de poder “dar vida” a um personagem! Um ano depois, estava eu matriculada em um curso de dublagem quando fui indicada por uma professora para fazer um teste em um Estúdio, pois precisavam de meninas da minha idade que cantavam e que tinham aptidão para dublagem. Ainda durante o processo de testes, realizei a minha primeira escala profissional, em uma Promo da Disney chamada “Mack Chat” com o diretor Fábio Azevedo. Depois desta oportunidade, não parei mais! Os meus principais trabalhos realizados, além de “O Retorno de Mary Poppins” são: “A Casa da Raven” da Disney (Nia Baxter) em sua 1a e 2a temporada; “Vampirina” da Disney (Poppy Pimenta); “Kody Kapow” da Fox (Mei); “Vlog da Barbie” (Chelsea); Participações em Andy Mack, Princesa Sofia, PJ Max, Super Wings; Participação no Longa Metragem “A Justiceira” (como Carly) entre outros ainda a serem lançados, bem como a dublagem de Realitys Show e Game.

Backstage Musical: Como foi dublar um filme musical? Gigi: Foi muito especial para mim, porque sempre sonhei em dublar um filme musical de cinema da Disney. Disney é sonho, é magia! Eu queria fazer parte disso, transmitir de alguma forma o que Walt Disney nos deixou. Eu lutei para isso, fui me aperfeiçoando com os meus diretores, ouvindo tudo o que eles me falavam, prestando atenção em cada correção feita em cada dublagem e hoje eu consegui concretizar este sonho. Graças a eles também! Queria aproveitar e agradecer algumas pessoas que contribuíram para o seu desenvolvimento e aperfeiçoamento: Alessandra Araujo, Fábio Azevedo, Fábio Lucindo, Vagner Fagundes, Tarsila Coelho, Wendel Bezerra, Nandu Valverde, Thiago Longo, Rodrigo Andreatto entre outros.

Backstage Musical: Você já conhecia o musical? Como foi participar dessa história tão icônica? Gigi: Sim eu já conhecia e assisti quando criança Mary Poppins. Assim como outros musicais, assisti umas 100 vezes! Nossa, o ano de 2018 me reservou 2 histórias muito especiais! No primeiro semestre, fui presenteada no teatro musical com “A Novica Rebelde” e no segundo semestre com “O Retorno de Mary Poppins”!!! Para mim é uma honra integrar de alguma forma um clássico porque além de histórias emocionantes que eles trazem como mensagens, ultrapassam os limites das gerações. Não tem idade para se encantar com a Mary Poppins!

Backstage Musical: Quais as suas semelhanças e diferenças com essa personagem? Gigi: Anabel Banks é uma garota da minha idade e na verdade eu sou muuuito parecida com ela. A grande semelhança é que ela se apega muito emocionalmente com as pessoas, é bastante apegada com a sua família e eu também com a minha, com os meus amigos e com os meus fãs (risos). Sou tão apegada, que fiquei triste de não me despedir...ops! Não posso dar spolier do filme! Em 20 de Dezembro nos Cinemas!

Backstage Musical: Como você se imagina daqui 5 anos? Gigi: Me imagino como atriz e dubladora, porque acho que essas duas áreas podem caminhar juntas. As duas pedem interpretação, porém com técnicas diferentes. Gostaria muito de estudar teatro musical em NY e quem sabe até trabalhar lá! Enfim, “Tudo é Possível” (fala de Anabel Banks).

Backstage Musical: Porque todos precisam assistir ao Retorno de Mary Poppins? Gigi: É o filme mais lindo de todos os tempos da Disney. O roteiro é mágico e as canções são emocionantes. Sem contar os efeitos que te levam para o mundo da fantasia e o elenco de feras!

Backstage Musical © 2017 - Todos os direitos reservados.