LOGO_Backstage_Musical_NOVO2020_Crachá.

Quatro anos depois, "Lugar de Escuta" está de volta ao Núcleo Experimental


O M.O.T.I.M acabou de completar 4 anos de existência e pra isso, nada melhor que voltar, com novas cenas e um novo elenco para comemorar!


LUGAR DE ESCUTA é uma peça-consulta que se transforma e se adapta a cada apresentação, feita por mulheres, para todes. Suas cenas, com diversos lugares de fala, buscam trazer um panorama sobre as infinitas questões e percalços que ser mulher e feminista nos dias de hoje representa, também fala das delícias, por isso é, também, uma celebração. No total, são 22 cenas inspiradas pelos 22 arcanos maiores do Tarô, porém somente 8 cenas serão apresentadas por sessão. Essas 8 cenas serão selecionadas por um jogo de Tarô com a seguinte pergunta: “Que peça de teatro a plateia de hoje precisa assistir?”. Sendo assim, a ausência de assuntos importantes em determinada sessão é, de certa forma, também falar sobre eles, visto que a plateia nunca sabe tudo que a gente preparou…


Dentro de uma cultura de repressão ao termo “feminista”, onde muitos julgamentos são lançados em cima das mulheres que se auto intitulam dessa forma, o grupo viu a necessidade de apresentar, de forma leve e lúdica, a história de pessoas-personagens reais, ícones de força e superação. A partir da vida e obra de Niki de Saint-Phalle, artista visual franco-americana, que ainda nos anos 60 questionou os papéis tradicionalmente impostos pela sociedade ao gênero masculino e feminino, e que procurou a arte e a alegria para exorcizar seus demônios e lutar pelo bem coletivo, é discutido e desenvolvido diversos temas, desde ‘ser mãe’ ao movimento de ‘transição capilar’ exercido pelas mulheres negras. Neste último, as mulheres negras abandonam o alisamento químico para uma reconexão com a verdade de seus cabelos e, por consequência, com sua verdade ancestral.


O espetáculo busca aproximar o público a uma diversidade de discursos, abrindo espaço para que minorias políticas possam exercer seu lugar de fala, e nós, exercermos a parte que nos cabe - e que fazemos muito pouco - o LUGAR DE ESCUTA (termo cunhado por Márcia Tiburi). Acreditando ser possível levar a plateia à uma reflexão sobre as relações sociais e assim atuar no engajamento destas na luta contra o preconceito, discriminação e diversas outras formas de opressão.


O projeto visa dar espaço a um elenco de mulheres engajadas, entregues e conscientes da importância de, no cenário político preocupante que vivemos, falar abertamente sobre esses assuntos desafiadores e tão presentes em nosso dia a dia. O espetáculo busca ampliar o papel da mulher no teatro, gerando mais oportunidades de trabalho num mercado carente de figuras femininas de renome.


"Precisamos fazer o dobro para ser enxergadas. Seguiremos fazendo."


FICHA TÉCNICA:

IDEALIZAÇÃO e DIREÇÃO GERAL: Fabiana Tolentino

TEXTO: M.O.T.I.M

DIREÇÃO MUSICAL: Pamella Machado

MÚSICAS: Déborah Cecília, Marília Lopes, Amanda Döring, Giovanna Moreira e Ana Paula Villar.

DIRETORA ASSISTENTE: Ana Elisa Mattos

ELENCO: Amanda Döring, Bruna Zenti, Clara Camargo, Fernanda Maia, Livia Graciano, Luisa Sabino, Marília Lopes e Pamella Machado

ARTISTAS VISUAIS/PAINÉIS: Amanda Falcão, Beatriz Ghidalevich, Jessica Factor e Natalia Buell

IDENTIDADE VISUAL: Marília Lopes, Karina Swaelen e Bia Riedel

DIREÇÃO DE PRODUÇÃO: Fabiana Tolentino

REALIZAÇÃO: M.O.T.I.M


SERVIÇO:

Lugar de Escuta

Segundas de Agosto e Setembro, 20:30h

Teatro do Núcleo Experimental - Rua Barra Funda, 637

Vendas pela Sympla