LOGO_Backstage_Musical_NOVO2020_Crachá.

Entrevista com Carina Angélica


Carina Angélica é coreógrafa, sapateadora e atriz e desde muito nova já embarcou no universo da dança e da arte. Confira a entrevista que o Backstage Musical preparou:


Carina, você já está há algum tempo no mercado do Teatro Musical, conta pra gente como você decidiu entrar nesse meio?

Eu tinha acabado de me formar em Artes Cênicas, depois de ter feito Pedagogia, em Ribeirão Preto, e já tinha participado de milhares de festivais de dança competindo e coreografando! Achei na internet um curso para profissionais, na Escola Wolf Maya, e comecei a vir pra São Paulo todos os finais de semana. Eu queria trabalhar como atriz e bailarina profissionalmente e vi nisso uma oportunidade! Esse vai e vem Ribeirão Preto - SP durou um ano, até que o Wolf Maya abriu audição para o “O Musical dos Musicais”, que ele ia dirigir, e o espetáculo seria o show que inauguraria o Teatro Frei Caneca! Fiz o teste, passei e mudei definitivamente pra São Paulo no dia seguinte.


Qual foi o seu primeiro trabalho em Teatro Musical, como foi?

Foi “O Musical dos Musicais”, dirigido por Wolf Maya, e foi um trabalho muito especial, que decidiu toda minha trajetória e de muitos outros artistas também, como Bruna Guerin, Felipe Galganni, Camilla Camargo, Daniel Caldini, Simone Gutierrez, Luiz Araujo e assim vai! Nele aprendi na marra tanta coisas... Imagina, uma menina do interior caindo de um dia pro outro na cidade grande e sendo dirigida por um diretor super experiente! A cada ensaio eu sugava tudo que podia. Existem momentos de perrengues e super engraçados da época, que vou levar pra sempre! E também foi uma época bem importante pro teatro musical!


Entre todos os seus trabalhos, qual foi o mais marcante? Por que?

Sem dúvida nenhuma quando trabalhei com Marília Pera! Eu lembro até hoje de todos os momentos que estive com ela! Foi em “Alô Dolly”, um dos melhores trabalhos que já participei! Eu era assistente de coreografia e ensaiava e fazia a manutenção de todas as coreografias! Marília chegava todos os dias com roupas de bailarina e fazia o aquecimento corporal e vocal, do começo ao fim, com toda concentração do mundo, uma disciplina e respeito por cada momento de ensaio que era impressionante! Sem ela saber, ela foi uma das minha “professoras” preferidas nesse meio artístico! Inspiração pra sempre!


Qual espetáculo ou personagem que você sonha em fazer?

Hoje em dia minha dedicação é mais pra parte criativa do que atuação em cima do palco! Mas... o sonho da minha vida, desde que assisti (varias vezes) esse musical na Broadway, é fazer parte do Mary Poppins! Quem sabe isso ainda não acontece!?


Mesmo estando no teatro em diversas funções, o sapateado sempre esteve a frente, como nasceu essa paixão?

Eu falo que o sapateado é um dos primeiros amores da minha vida! Comecei com 10 anos e tive uma professora, em Ribeirão Preto, que era loucamente apaixonada por sapateado. Ela chegava nas aulas empolgada em ensinar, estudava demais, contava coisas mega interessantes sobre tudo de sapateado pra nós, cada coreografia dela era mais criativa que a outra! Criar sons sempre me empolgava, mas ela tem grande mérito nessa minha paixão maluca por sapateado! Quero ser igual a Brenda Bufalino, que ainda da aulas aos 82 anos!


Como surgiu a ideia da Sala do Tap?

Quando fui para NY pela primeira vez e conheci a ATDF, eu fiquei encantada! Um lugar que só ensina e só respira sapateado. Lá você faz aula, aluga a sala pra treinar, junta um grupo pra criar shows... e eu comecei a sonhar com um lugar assim e meu! Ano retrasado muitas pessoas começaram a me procurar parar aprender sapateado em aulas particulares, ano passado esse número cresceu muito e a ideia de um lugar pra viver de sapateado não saia da minha cabeça. Foi quando tudo conspirou, a sala apareceu disponível, a Deia Pito topou minha proposta e em 2 meses decidimos abrir a #SalaDoTap! E nela acontece tudo que sempre desejei, ministro minhas aulas, coreografo pessoas que me contrataram pra isso, alugo a sala para profissionais e alunos treinarem, junto amigos pra sapatear e se divertirem juntos e muito mais! Está sendo incrível!


O que de diferente as pessoas podem esperar da Sala do Tap? Como elas fazem para conhecer?

A diferença acredito que é essa, um lugar onde vamos procurar atingir os seus objetivos! A aulas que ministro são sempre coaching de 1 a 3 pessoas no máximo! O treinamento é de alta performance e a curto prazo, e cada aula é elaborada de acordo com o desejo de cada um! Se ele quer treinar pra determinada audição, aprender desde o começo a sapatear, evoluir a técnica, como dar aulas, ou até mesmo por hobby! Para conhecer as pessoas podem me procurar pelo Instagram ou me mandar um e-mail! Vou amar receber todos!

Instagram: @carinaangelica Email: carinaangelica@gmail.com

Backstage Musical © 2017 - Todos os direitos reservados.