Mamonas, O elenco e o fenômeno musical.

 


Uma das grandes apostas dos musicais esse ano foi a montagem de “O Musical Mamonas”, um tributo em forma de Teatro Musical a uma das bandas mais irreverentes do rock nacional. O musical estreou em março desse ano em São Paulo no Teatro Fecomércio e foi um grande sucesso entre os fãs da banda. O sucesso não ficou limitado aos palcos paulistas e logo foi a vez do Rio de Janeiro receber o musical, repetindo o sucesso. O Backs conversou com parte do elenco para saber como foi a experiência de trazer vida à eterna banda dos meninos de Guarulhos.
Quando se pensa na banda, a primeira imagem que vem a nossa mente são o momentos irreverentes, os figurinos extravagantes e nada convencionais e as muita peraltices e micagens da banda durante suas apresentações nos palcos e nos programas de TV. Élcio Bonazzi, intérprete do baixista Samuel, revela que não se sentiu intimidado a dar cara tapa e em dar vida a essas caraterísticas peculiares dos ‘Malucos de Guarulhos’ como pontua. Para o ator, produção e o diretor José Possi Neto montaram um elenco especial que em momento algum se sentiu tímido ou inibido de reproduzir o comportamento dos Mamonas, pontuando que a preocupação veio em trazer verdade na interpretação. “Tive receio de não conseguir transmitir a verdade deles corretamente. Mas com muito estudo, boa direção e ensaios, acho que conseguimos trazê-los pra próximo de nós. Representá-los eu considero ser uma lavada de alma. Poder subir no palco, aprontar o que aprontamos e receber o carinho dos fãs que tem nos acompanhado tem sido lindo demais; declara.

Mamonas Assassinas é, e sempre será, uma banda com uma história inacabada para os fãs, o que ficava evidente diante da emoção da plateia durante e após o espetáculo. Para Ruy Brissac, o intérprete de Dinho, todo esse sentimento é recebido com muita emoção e nas palavras do ator “é muito carinho, algo surreal que temos o um privilégio de receber”. Ruy impressionou o público pela semelhança física com o frontman dos Mamonas, o que impressionou o diretor José Possi Neto desde o momento das audições e sem dúvidas, deixou a plateia atônita.
Para além da semelhança física, os gestos e ações de Ruy remetiam muito ao vocalista, agradando não somente os fãs, mas também a crítica. O jovem ator foi consagrado na última edição do Prêmio Bibi Ferreira como o Ator Revelação do ano de 2016. Sobre a conquista, o ator não esconde a felicidade de representar nos palcos um ídolo nacional: “Estou extremamente feliz com tudo que está acontecendo. É uma honra representar um ídolo do Brasil e ser reconhecido através dele, pelo trabalho de ator e pela dedicação. Um ano atrás estava conversando com um amigo e disse que o próximo ano eu receberia um troféu no Prêmio Bibi e aí está. Joguei para o universo e ele me trouxe da melhor forma possível. Sou muito grato.

 

 


Outro ator que teve destaque no musical foi Patrick Amstalden. Veterano dos palcos, Patrick coleciona musicais como “A Família Addams”; “Como Vencer na Vida Sem Fazer Força”; “Crazy For You” e “Antes Tarde do que Nunca” no currículo, mas foi em ‘O Musical Mamonas’ que o ator foi contemplado com o Bibi Ferreira de Melhor Ator Coadjuvante. No musical, o ator não faz parte da banda, mas se desdobra em 7 personagens ao longo da história, com destaque especial para o produtor Rick Bonadio.
Para Patrick a jornada e estudo em musicais começou ainda muito jovem: Com 13 anos estreou em uma montagem de “A Chorus Line” na cidade de Indaiatuba e desde então vem estudando e se aperfeiçoando no gênero. Formado em Artes Cênicas pela Unicamp, o ator sentiu-se emocionado pela indicação e mais feliz ainda com a conquista. "É muito gostoso ver o reconhecimento de um trabalho que coloquei tanta dedicação para ser construído, foram noites em claro criando para chegar nos tempos precisos da comédia”, comenta.
Atualmente, o musical tem vivido um período de turnê por diversas cidades pelo Brasil, o que permitiu que o elenco pudesse levar um pouco do meteórico sucesso dos Mamonas por outros palcos, reconectando vários públicos e fãs saudosos com a história. Para Élcio, essa experiência tem sido muito feliz e aponta que o mesmo tempo que a banda teve, eles já tem com o espetáculo “muita gente se emocionou e vai se emocionar ainda com esse espetáculo. Eles deixaram uma marca muito grande no nosso país e cada lugar que chegamos, percebemos o amor que o Brasil ainda sente por eles.”, declara o ator que sente abençoado por viver esse momento.


Patrick Amstalden, ressalta que o musical é uma oportunidade pra quem não teve chance de ver os Mamonas ao vivo e para ele, fazer parte dessa homenagem a banda é um momento especial no qual se diverte muito no palco: “É uma grande festa, repleta de comédia e emoção, quando vemos no final alguns olhos marejados, com a tragédia que marcou milhares de pessoas há 20 anos atrás.", completa. 


Agora São Paulo terá a oportunidade de rever o musical em Temporada Popular. A partir de 16 de Novembro a história dessa banda que marcou o Brasil será contada no Teatro Procópio Ferreira. Ingressos a preços populares a partir de R$ 25,00!

Garanta já o seu ingresso: http://bit.ly/popularmamonas

Please reload