LOGO_Backstage_Musical_NOVO2020_Crachá.

Montagem escolar de texto inédito usa a MPB para contar um novo conto de fadas


"O Meu Coração de Giz e a Rainha Maria Beatriz" é o nome do espetáculo idealizado, escrito e dirigido por Vítor Rocha, 18, (de "Comitiva Esperança"). Este é o quinto texto do jovem autor a ganhar os palcos e provavelmente um dos maiores títulos. A montagem será encenada pelos alunos do Colégio Aplicativo, uma escola que fez sua estreia recentemente em Jacutinga (Minas Gerais) e trouxe um diferencial: aulas teóricas e práticas de teatro na grade escolar. "O Meu Coração de Giz e a Rainha Maria Beatriz" será o resultado final destas aulas e promete não se contentar com os palcos locais e ganhar maiores proporções.

Uma rainha chora no alto de uma torre desde o dia em que foi coroada. Mas por quê? Ou seria por quem? Afinal, por que chora a Rainha Maria Beatriz? É o que conta a história inédita com ajuda de clássicos da MPB e de mestres como Caetano Veloso, Chico Buarque, Luiz Gonzaga e muitos outros. A lenda que fala sobre o amor e o perdão, se passa no fictício Reino de Grená e faz alusão à pequena cidade de Jacutinga, estância hidromineral famosa por integrar o Circuito das Malhas. "É um texto singelo que mostra basicamente o poder da honestidade e da inveja em nossas vidas." - conta Vitor Rocha, que dirige o elenco de 23 pessoas. "Um grande elenco, não só no talento!" - brinca.

A ideia do novo Colégio Aplicativo é integrar a cultura às salas de aula, não apenas mostrando como se faz, mas fazendo. O teatro faz parte do currículo escolar, tal como a música e todas as outras matérias. O espetáculo tem estreia prevista para o final de setembro, e você pode acompanhar mais detalhes através da página do Colégio Aplicativo no Facebook.

Backstage Musical © 2017 - Todos os direitos reservados.