Reality Musical: Audições na TV

21/10/2015

Quando você quer ingressar no elenco de um musical o que você espera? Uma audição rápida, duas ou três músicas em frente a uma bancada? A opção que Andrew Lloyd Webber encontrou foi um tanto diferente disso. Junto com a emissora BBC e outras, o compositor promoveu programas onde o objetivo era escolher os protagonistas de suas novas produções, entre eles “The Sound of Music”, “Oliver!” e “The Wizard of Oz”. 


Cada série tem uma estrutura de aproximadamente doze episódios, onde doze atores disputam cada personagem, sendo no máximo dois por musical. A partir do segundo episódio, no final de programa, um ator é eliminado, restando apenas três finalistas. A cada semana são apresentados números em grupo, apresentações solo, além de um dueto ao final para decidir quem sairá.

How Do You Solve a Problem Like Maria? 

 

O primeiro programa desse formato ocorreu em 2006 e foi chamado “How Do You Solve a Problem Like Maria”, criado para escolher quem faria o papel de Maria, na turnê do Reino Unido do musical “A Noviça Rebelde” (“The Sound of Music”).


Inspirando tantos outros shows que viriam na sequência, “How Do You Solve a Problem Like Maria”, foi dividido em apenas oito semanas, tendo dez atrizes competindo o papel de Maria, que acabou ficando com Connie Fisher.


Em 2008 a emissora CBC Television promoveu um programa de mesmo nome com intuito de encontrar uma Maria para a produção canadense do musical, seguida de uma versão belga, em 2009, intitulada “Op Zoek naar Maria” (Procurando por Uma Maria). 

Grease: You're The One That I Want 

 Baseado no formato criado pela BBC, a NBC promoveu o programa “You're The One That I Want ”, para encontrar o Sandy e o Danny Zukko do revival de 2007 do musical Grease. Quando anunciada o programa, Andew Lloyd Webber chegou a mover uma ação judicial contra David Ian, o produtor do programa, quando soube que a NBC procurava por desconhecidos para protagonizar Grease. Por outro lado, embora compositor não tenha participado diretamente dessa produção, foi convidado pela NBC para participar da seleção como um dos jurados.


A vencedora do papel de Sandy foi Laura Osnes, uma das mais queridas atrizes atuais da Broadway, que após Grease fez os papéis principais de “Bonnie e Clyde” e “Cinderella”, além de participar do revival de Anything Goes, com Sutton Foster. Já o papel de Danny ficou com Max Crumm, que depois do musical participou da montagem original de diversos musicais Off-Broadway, além da web-serie “I Could Be Worse” criada por outra grande nome da Broadway, Wesley Taylor (“SMASH”, “The Addams Family”).

Any Dream Will Do 

O programa Any Dream Will Do foi transmitido em 2007 pela BBC, onde buscava um ator para o papel título do revival londrino do musical de Andrew Lloyd Webber, “Joseph And The Amazing Technicolor Dreamcoat ”. O vencedor do programa foi Lee Mead que antes de Joseph já havia participado de grandes musicais na West End, sendo cover de Raoul em “The Phantom of the Opera” e cover de Chris em “Miss Saigon”. Após seu primeiro protagonista, Lee entrou para o elenco de “Wicked”, no papel de Fiyero, contracenado com Rachel Tucker e Louise Dearman, seguido do professor Emmett em “Legally Blonde”.


Baseado nesse formato, o programa ganhou uma versão holandesa chamada “Op Zoek Naar Joseph” (Procurando por Joseph), que ocorreu em 2008, para a produção do musical que ocorreria no país em 2009, tendo como vencedor Freek Bartels.

I'd Do Anything

Em 2008 foi a vez do musical “Oliver! " ganhar seu programa, também pela BBC, o programa “I'd Do Anything” escolhia a atriz que iria interpretar Nancy e os três meninos que alternariam o papel de Oliver, na montagem que seria produzida por Cameron Mackintosh. A vencedora do papel de Nancy foi Jodie Prenger, não muito conhecida no teatro musical, a atriz já participou do musical “Les Misérables”, na West End, como ensemble. Após atuar em Oliver, participou do turnê nacional do Reino Unido de “Spamalot”, migrando para a TV, em seguida.

Foi também no “I'd Do Anything” que dois grande nomes atuais do teatro musical começaram a ganhar destaque: Rachel Tucker e Samantha Barks. Rachel já havia participado de alguns antes do programa, mas foi logo que saiu que ganhou seu primeiro papel de destaque: Scaramouche em “We Will Rock You”. Em 2010 estreou em “Wicked” em Londres, onde se tornou uma das Elphabas mais queridas do público. Em setembro de 2015, retornou ao papel, dessa vez nos palcos da Broadway, onde deve ficar até julho de 2016.


Atualmente interpretando a personagem titulo de “Amelie”, na California, Samantha é famosa principalmente por sua participação em “Les Miseráble”,, tanto no filme de 2012 quanto no concerto de 25 anos, interpretando Éponine. Após o final do programa, a atriz entrou na turnê do Reino Unido de “Cabaret”, interpretando Sally Bowles. Em 2011 entrou para o elenco de “Oliver!” no papel em que competia anteriormente: Nancy.

Over The Rainbow

O último programa de Andrew Lloyd Webber em parceria com a BBC ocorreu em 2012, foi “Over The Rainbow", que selecionava a atriz que iria fazer Dorothy e o cachorro que seria o Totó na produção do compositor do clássico “The Wizard of Oz” ( O Mágico de Oz).


O papel de Dorothy ficou com Danielle Hope, que seguindo outros exemplos, também começou a fazer grande sucesso após sua participação nO Mágico de Oz. Ainda em 2012, ingressou para o elenco de “Les Misérables” na West End, no papel de Éponine, seguido do papel de Narradora do musical “ Joseph and The Amazing Thechnicolor Dreamcoat” e atualmente interpreta Maria na turnê do Reino Unido de “A Noviça Rebelde”.


Em 2012 show ganhou uma versão canadense, onde também foram selecionados uma Dorothy e um Totó. A vencedora foi Danielle Wade, que assumiu o papél em dezembro do mesmo ano.

Superstar 

No ano de 2012, dessa vez apresentado pela ITV, o compositor buscava um Jesus para a celebrada produção Arena Tour de seu musical “Jesus Christ Superstar”, que acabou sendo lançada em DVD no mesmo ano. O musical, considerado a maior obra de Webber, ganhou uma cara totalmente nova, explorando a atemporalidade do espetáculo, foi trazida para os dias atuais.


O vencedor foi Ben Forster que estrelou o espetáculo ao lado de Tim Minchin (compositor do musical “Matilda”) que interpretou Judas numa performance brilhante e da Ex-Spice Girls Melanie C. responsável por interpretar Maria Madalena.

 

 

Please reload