O encontro de Darwin Del Fabro e Irving Berlin

Faltam exatamente um mês até a estreia, no próximo dia 3 de Julho, do musical "Be Careful, It´s My Heart" no Teatro Maria Clara Machado no Rio de Janeiro. O espetáculo conta com Darwin Del Fabro e Laura Lobo no elenco e revisa a obra do clássico compositor americano Irving Berling que consagrou na época em que a Broadway ainda estava se consolidando como pólo do teatro musical.

 

Com apenas 23 anos de idade, o ator Darwin Del Fabro é o idealizador do musical. Darwin conta que a ideia de produzir um espetáculo com as canções de Irving Berlin surgiu quando assistiu um show de Michael Fainstein em Nova Iorque, aonde o ator residia até o ano passado. "entre seu repertório havia canções de Cole Porter, Gershwin e o grande homenageado em meu espetáculo Irving Berlin. Quando escutei a canção "Be Careful, It's My Heart", fiquei completamente arrebatado", conta o ator em entrevista ao Backs. Entre pesquisa e estudo sobre a obra do compositor, em três dias o espetáculo nasceu.

Após fazer sua estreia como diretor no show "The American Songbook" de Vera do Canto e Mello, Darwin além de estar no elenco, também assina a direção do musical. O ator e diretor conta que a rotina de ensaio tem sido bem intensa, e que o tempo é o grande desafio para solucionar todos os detalhes que a produção demanda, além dos ensaios que vão de segunda a sábado, em uma média de seis horas diárias. "com uma agenda diária lotada, conto com auxílio luxuoso e indispensável dos meus produtores George Luis, Igor Miranda, Julia Kussler e Maria Fernanda Marques". Na equipe criativa de "Be Careful, It´s My Heart", figuram ainda nomes como Thalyson Rodrigues e Betto Serrador, com a direção musical) e Renato Vieira, com a direção de movimento.

 

"Be Careful, It´s My Heart" é estruturado como um concerto cênico, onde a história de um casal é contada por meio das canções. Ao lado de Laura Lobo, a quem Darwin não poupa elogios, serão apresentados clássicos como "Always", "Say It Isn't So", "Shaking the Blues Away", "Puttin' on The Ritz", "Stepping out With My Baby" e, "Cheek to Cheek", todas no idioma original.

 

Darwin ainda comenta sobre a importância de resgatar a obra de Irving Berlin como uma tentativa de apresentar o autêntico cancioneiro americano/Broadway para novas gerações. Com uma roupagem moderna, o ator explica que tentou-se não perder a delicadeza e essência do grande repertório de Irving. Com a data do início da temporada carioca se aproximando, Darwin não descarta a possibilidade de levar o musical até São Paulo ou outro lugar que se aprecie boa música!

Please reload