"Agnaldo Rayol - A Alma do Brasil

9/11/2014

Por May Calixto

 

“AGNALDO RAYOL – A ALMA DO BRASIL” é um espetáculo teatral-musical inédito com temporada de 06 de novembro a 21 de dezembro de 2014, homenageando uma das melhores vozes masculinas deste país – Agnaldo Rayol, artista completo: cantor e ator, de cinema e televisão, apresentador de TV, pintor e poeta, que começou a cantar aos oito anos de idade na Rádio Nacional. Seu primeiro disco foi feito em uma das agências dos CORREIOS, onde se gravava mensagens. Lá, neste estúdio, gravou seu primeiro disco. Agnaldo Rayol, que já foi galã de novela ao lado de Fernanda Montenegro e Hebe Camargo, ganhou vários prêmios em sua carreira, entre eles “O Festival Internacional da Canção” e o “Prêmio Sharp de Melhor Cantor de Música Popular”. Com sua peculiar forma de cantar, a magistral interpretação de Ave Maria de Gounod emocionou noivas de várias gerações. No espetáculo será apresentado um roteiro de sucessos como: “Se todos fossem iguais a você”, “A Praia”, “Fascinação”, ”Serenata do Adeus”, “O princípio e o fim”, “Mia Gioconda”, “A voz do violão”, “Estrada do sol” entre outras canções que transmitem a época, a cultura brasileira e suas influências.

 

Com direção de Roberto Bomtempo – que assina pela primeira vez a direção de um musical e este ano completa 30 anos de carreia – e texto de Fátima Valença, a montagem contará momentos singulares de sua trajetória nos palcos e da sua vida ao redor do Brasil, com um elenco de 04 atores/cantores e banda. Protagonizando o espetáculo, Marcelo Nogueira, idealizador do projeto, (viveu Chopin no teatro em 2011 ganhando o PRÊMIO de melhor espetáculo FITA 2011), que atua no espetáculo “O Grande Circo Místico” como solista da célebre canção “A bela e a fera” de Chico Buarque e Edu Lobo, vive Agnaldo Rayol. E ainda Stela Maria Rodriygues (Hebe Camargo, Angela Maria, mãe da noiva e fã), Fabrício Negri (Erasmo Carlos e Renato Corte Real) e Mona Vilardo (Wanderléa, Lana Bittencourt, noiva e fã).

 

O texto conta passagens da vida musical de Agnaldo numa espécie de show intimista, entremeado de registros sonoros e visuais de sua carreira e as cenas vividas por quatro atores-cantores especialmente selecionados. A ideia dessa estrutura cênica é mesclar cenas ao vivo com os grandes sucessos da carreira de Agnaldo Rayol, interpretado pelo ator e cantor Marcelo Nogueira que assina a idealização e produção do espetáculo. Importante destacar que, embora sejam contadas e vividas diversas passagens de Agnaldo em diferentes fases de sua carreira, o ator protagonista não se transforma. Não envelhece, não vira menino. É sempre o mesmo belo e elegante Agnaldo, como se pudéssemos congelar no tempo o nosso momento melhor. Nessa concepção, o que prevalece não é a emoção provocada pela transformação física, mas a que vem de dentro, que enternece e emociona.

 

Combinadas às fotos e cenas reais da vida e obra de Agnaldo Rayol, personagens e trechos de filmes, telenovelas, fotos, shows, entrevistas e programas de rádio e tevê – como os históricos: Papel Carbono, Jovem Guarda, Corte Real Show, Hebe Camargo – especialmente recriados para o espetáculo.   Se constituindo num painel sonoro, visual e musical de uma época, que assim retrata, recria e rende a nossa homenagem ao personagem título desse musical “AGNALDO RAYOL – A ALMA DO BRASIL”.

 

FICHA TÉCNICA

Texto: Fátima Valença

Direção: Roberto Bomtempo

Direção Musical: Marcelo Alonso Neves

Elenco: Marcelo Nogueira (Agnaldo Rayol), Stela Maria Rodriygues (Hebe Camargo, Angela Maria, mãe da noiva e fã), Fabrício Negri (Erasmo Carlos e Renato Corte Real) e Mona Vilardo (Wanderléa, Lana Bittencourt, noiva e fã)

Músicos: Cristina Bhering (Ensaiadora e Piano), Affonso Neto (Bateria) e Luciano Correa (Violoncello)

Cenário e Figurino: Flávio Graff

Iluminação: Felipe Lourenço

Preparadora Vocal: Glória Calvente

Direção de Movimento: Toni Rodrigues

Designer Gráfico: Guilherme Lopes Moura

Viagismo: Beto Carramanhos

Fotografia: Eduardo Alonso

Assistente de Direção: Janaína Moura

Assessoria de Imprensa: Daniella Cavalcanti

Produção Executiva: Breno Lira Gomes

Direção de Produção: Fernando do Val

Idealização e  produção: Marcelo Nogueira / Arte Mestra Produções.

 

SERVIÇO

Temporada: de 06 de novembro a 21 de dezembro

Local: Centro Cultural Correios

Endereço: Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro

Informações: (21) 2253-1580

Horário: de quinta a domingo, às 19h

Ingresso: R$20,00

Duração: 80 minutos

Gênero: musical

Capacidade: 200 lugares

Classificação: 10 anos

Bilheteria: quarta a domingo, das 16h às 19h

 

Please reload